terça-feira, 2 de abril de 2013

Dia Internacional da Consciencialização do Autismo - 2 de Abril




Sabia que hoje se comemora o Dia Mundial da Consciencialização do Autismo?
As Nações Unidas marcaram em 2008 o Primeiro Dia Mundial sobre Consciencialização do Autismo.
O Qatar, país da península arábica, foi um dos maiores incentivadores da proposta de criação do Dia Mundial sobre Consciencialização do Autismo. A comemoração da data em 2008 coincidiu com o 60º Aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos.
No mesmo ano entrou em vigor a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiências. A data serve também para prestar homenagem à coragem das crianças autistas e de suas famílias, que lutam todos os dias para enfrentar a questão com determinação, criatividade e esperança.
De acordo com a Organização Mundial da Saúde, autismo é uma desordem complexa do desenvolvimento, que pode aparecer durante os três primeiros anos de vida. Há efeitos sobre o cérebro atingindo a interação social e a comunicação oral.
No mundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) estima que tenhamos 70 milhões de pessoas com autismo.
«Perturbações do sono e perturbações do comportamento graves» podem indicar autismo, mas é a partir dos três anos que o diagnóstico se faz com maior fiabilidade por causa do aparecimento da fala. Os meninos com autismo ou ficam em silêncio ou «falam com perturbações da linguagem».
O que é?
É uma alteração “cerebral” / “comportamental” que afecta a capacidade da pessoa comunicar, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente que a rodeia.
Algumas crianças, apesar de autistas, apresentam inteligência e fala intactas, algumas apresentam também retardo mental, mutismo ou importantes atrasos no desenvolvimento da linguagem
O autismo não é visível nos primeiros anos de vida, mas há sinais que podem servir de alerta.
Características comuns do autista:
Tem dificuldade em estabelecer contacto com os olhos,
Parece surdo, apesar de não o ser,
Pode começar a desenvolver a linguagem mas repentinamente ela é completamente interrompida.
Age como se não tomasse conhecimento do que acontece com os outros,
Por vezes ataca e fere outras pessoas mesmo que não existam motivos para isso,
Costuma estar inacessível perante as tentativas de comunicação das outras pessoas,
Não explora o ambiente e as novidades e costuma restringir-se e fixar-se em poucas coisas,
Apresenta certos gestos repetitivos e imotivados como balançar as mãos ou balançar-se,
Cheira, morde ou lambe os brinquedos e ou roupas,
Mostra-se insensível aos ferimentos podendo inclusive ferir-se intencionalmente
Etc.

In: http://www.ipjornal.com/

2 comentários:

  1. Olá linda, vou deixar um miminho para ti no Forum :)
    Beijocas
    Zeza

    ResponderEliminar